terça-feira, 19 de julho de 2011

POR TI RESISTIREI

Imagem retirada da net
Sinopse
Carlos e Nicole conheceram-se nas ruas de Paris. As tropas alemãs avançavam em passo forte e determinado, mas todos acreditavam que a capital francesa estava a salvo da loucura de Adolf Hitler. Enganavam-se. Em poucas semanas, as tropas nazis estavam às portas de Paris e milhares de refugiados procuravam salvação. Nicole encontrou-a em Bordéus pelas mãos do embaixador Aristides de Sousa Mendes que lhe entregou um visto para chegar até Portugal, onde finalmente cairia nos braços do seu amado. Longe da guerra, longe do perigo, longe do estigma de ser judia, seria finalmente feliz. Mas há preconceitos que são difíceis de quebrar e mais uma vez os dois amantes são obrigados a seguir caminhos diferentes. Carlos fica em Lisboa, entre os negócios do pai, um homem influente na sociedade salazarista e a doença da mãe. Nicole parte para Londres, uma cidade que vive dias dramáticos sob a ameaça de ser bombardeada pela aviação alemã. Participa no esforço de guerra da melhor forma que sabe, vestindo a farda de enfermeira, pondo em risco a sua vida para ajudar os outros. Na esperança de conseguir esquecer Carlos. Contudo no meio dos escombros da Segunda Guerra Mundial há um amor capaz de resistir a tudo.

Opinião
O mais recente livro do escritor e jornalista Júlio Magalhães, "Por ti Resistirei", narra a história de amor de Carlos, um jovem português oriundo de boas famílias, e Nicole, uma judia francesa, orfã e a viver em Paris, durante a Segunda Guerra Mundial.

Quando Carlos foi obrigado a deixar Nicole em França, e regressar a Portugal para visitar a sua mãe que se encontrava doente, estava longe de imaginar a reviravolta que a sua vida iria sofrer.
Por causa do ataque dos alemães à França, mas sobretudo pela maldade do pai de Carlos em querer afastá-lo de Nicole, as personagens principais vêem-se a par com várias dificuldades e provações para se reencontrarem.

Depois do sucesso dos seus livros, como "Os Retornados", "Um Amor em Tempos de Guerra" e "Longe do Meu Coração", todos eles bestsellers, eram elevadas as expectativas nesta leitura.

No entanto, fiquei um pouco desapontada e deparei-me com um livro menos atractivo do que esperava.
Para além de ser mais um livro onde a acção se passa em cenários de guerra, que torna o livro um pouco "mais do mesmo", a atenção do autor sobre as personagens principais e até sobre a Segunda Guerra Mundial, um tema que teria pano para mangas, não foi, no meu ponto de vista, explorada da melhor forma. O autor deveria ter dado, por exemplo, maior ênfase ao casal, fornecendo mais informações pois o pouco que sabemos, é sobre o amor que os une.

Não deixa de ser, no entanto, uma leitura agradável, escrita de forma simples e acessível, com pequenos capítulos terminando sempre em grande suspense para dar ao leitor maior vontade de continuar rapidamente a sua leitura. Mas no final, fiquei com aquela sensação de faltar algo...

Mais uma leitura, Segredo dos Livros.

3 comentários:

  1. este ainda não li, mas li 2 dos outros e acho os livros dele muito "soft", sem nada de especial.
    é uma leitura levezinha que apetece às vezes.

    ResponderEliminar
  2. Olá Paulinha,
    Passo sempre por aqui mas nunca comentei.
    Do Julio Magalhães, de quem gosto, li "Os Retornados" e fiquei bastante desiludida.
    A historia tem um começo bom, mas falta-lhe algo, falta-lhe garra, historia etc.
    Bjs
    Dulce Barbosa

    ResponderEliminar
  3. Olá Dulce,

    Seja benvinda, fico sempre contente com comentários de novos seguidores.
    Do Júlio Magalhães, li também "Um amor em tempos de guerra" que gostei imenso. Aconselho a sua leitura.
    Os Retornados e Longe do Meu Coração nunca li...

    Beijinhos e espero vê-la cá mais vezes

    ResponderEliminar